Arquivo | Cultura RSS feed for this section

Natal no Japão

22 dez

catolicismo só chegou ao Japão no século XVI, com a chegada de espanhóis e portugueses. Entretanto, o natal só começou a ser comemorado de fato a partir da década de 1980, com a introdução do conceito natalino pelo comércio. Assim, os japoneses comemoram o feriado de maneira diferente dos ocidentais, tal qual de luxuosos eventos, o natal passou a ser apenas um evento social. O Natal foi introduzido no Japão após a Segunda Guerra Mundial, sendo trazido pelos americanos. O conceito de natal foi assimilado pelo comércio, logo, apenas as famílias cristãs o celebram de maneira tradicional.

No passado, não havia papai noel nem presentes de natal…Mas atualmente os japoneses veem trazendo a cultura dos países Ocidentais(principalmente da América)- Santa-Claus(em Inglês continua com esse nome em Japonês),ou melhor Santa-san.

Na então “Ceia de Natal” são apenas comidas tipicas e  Kurisumasu Keeki (do inglês Christmas Cake), ou seja, o Bolo de Natal. Os bolos daqui são lindos,maas menos doce e muuito caro! +/- uns R$ 100,00 ou mais!

Muito frio e muita neve nesse Natal.Bem diferente do Natal no Brasil.

Desculpe minha ausência no Blog,Voltarei aos poucos rs

beijos

Priscilla Yamada

PuriKura

17 set

PuriKura(プリクラ), vem do inglês  Print Club,  “PURInto KURAbu” mais conhecidas como PURI. São aquelas cabines para tirar fotos.No Japão é mega popular desde a década de 90,Existem várias máquinas espalhadas pelo Japão, cada uma com um tipo de caracterização, onde pode-se tirar fotos sozinha ou com alguém e decorar do jeito que quiser.Tem algumas (a maioria) das maquinas que deixa mais clara a pele,aumenta os olhos.E as Japonesas amam isso…haha. As cabines são grandes. No fundo, um grande painel verde para possibilitar a troca de fundo das imagens, através da função “chroma key”.

Continue lendo

Como amarrar Yukata

12 set

Fiz um post sobre Yukata Clique aqui

Mas agora vem o dilema,como amarrar? Tem toda uma ‘tecnica’ atrás disso…Vamos acompanhar o Tutorial

Continue lendo

Saudações

25 jun

Continue lendo

O que é uma gueixa?

13 jun

Uma gueixa é uma mulher treinada nas artes da música, da dança e do entretenimento.

Gueixa em japonês (Geisha) significa “pessoa que vive das artes“. Ela passa anos aprendendo a tocar diversos instrumentos musicais, dançar e ser a anfitriã perfeita e confidente de seus hóspedes.

A maquiagem, o cabelo, o vestuário e os modos de uma gueixa são calculados para satisfazer a fantasia masculina da perfeição feminina: elas fazem com que os homens se sintam atraentes e importantes.

E eles pagam muito caro para ter uma gueixa atendendo a todos os seus caprichos.

Muitos ocidentais confundem gueixas com prostitutas de luxo

Quem entende a complexidade da cultura japonesa explica que uma gueixa não é uma prostituta. Uma verdadeira gueixa é bem sucedida porque reflete a idéia de uma perfeição inatingível.

Quando os homens contratam gueixas para animar uma festa, o assunto sexo normalmente não está relacionado.

A gueixa entretém por intermédio de canto, música, dança, relato de histórias, atenção e flerte. Ela pode conversar sobre política com a mesma desenvoltura com que explica as regras de um jogo.

Em uma época em que as esposas japonesas eram excluídas da vida pública, as gueixas eram as mulheres que podiam exercer o papel de anfitriã em uma reunião de negócios.

O Trabalho de uma gueixa

Uma gueixa tem o poder de decidir se quer ter relações sexuais com um cliente com quem tem um relacionamento mais íntimo. Isso, entretanto, não é parte do trabalho e tampouco algo de uma noite apenas. A relação entre uma gueixa e o danna (benfeitor) é de longo prazo: a cerimônia de união entre os dois é semelhante à cerimônia de casamento japonesa. Quando decidem terminar a relação, eles se submetem a uma outra cerimônia a fim de estabelecer o “divórcio”.

Memórias de uma Gueixa

É um filme de 2005 que ganhou vários ‘Oscars’ (eu quero veeer)

Sinopse

O filme começa nos anos que antecedem à Segunda Guerra Mundial, quando uma criança japonesa chamada Chiyo é vendida pelo seu pai, pescador de uma vila de pescadores, para uma casa de gueixas. Ela ficaria destinada durante os primeiros anos às tarefas domésticas, conforme ditava a tradição. Cresce na dúvida e na esperança de encontrar a família, sem compreender o sentido da vida que agora levava, até que, por obra do destino, conhece acidentalmente um dos homens mais poderosos do Japão, por quem se apaixona imediatamente e, para lhe conseguir chegar, reconsidera o rumo da sua vida para se tornar uma gueixa de sucesso. Chiyo, que passaria a ser conhecida por Sayuri — o seu nome de gueixa — recebe a sua formação de uma das mais conceituadas gueixas do Japão, Mameha, rival de uma outra que vive na sua casa (okyia) e que, desde a sua chegada, lhe tem dificultado a vida.

Veja o trailer

Fonte(http://pessoas.hsw.uol.com.br/gueixas1.htm)

até o próximo post

Prii Yamada

Kokeshi

10 jun

Kokeshi (em japonês 小芥子 ou こけし) são bonecas japonesas, originárias do norte do país.

Elas são manufaturadas em madeira, possuíndo um tronco simples e uma grande cabeça, pintadas com finas linhas para delinear o rosto. Seu corpo tem desenhos florais, pintados sobre fundo vermelho, preto, e algumas vezes amarelo, envernizadas por uma camada de cera. Uma marcante característica das Kokeshi é a ausência de braços e pernas.

As Kokeshi foram produzidas inicialmente pelos Kiji-shi (artesãos da madeira), em Shinchi, em Tagata (Miyagi), de onde a técnica se espalhou para outras áreas das estâncias termais da região de Tohoku.

Diz-se que estas bonecas foram feitas originalmente em meados do período Edo (entre 1600-1868) para serem vendidas como souvenires aos visitantes das fontes termais do nordeste do Japão.

A crença popular diz que elas trazem sorte e é comum dar de presente uma boneca kokeshi para desejar sorte à alguém.

Simbolizam a alma das crianças, que as bonecas levem todo o mal que as crianças porventura possam sofrer em vida.

Backgrounds para Twitter

Quero ver no Twitter de todo mundo hein?

Gostou do post? Quer dar dicas para eu postar aqui no Fofices Nipônicas?Escreva um comentário ou fale no @pripriprii

bjs

Prii Yamada

Maneki Neko

5 jun

Maneki Neko é conhecido como Gato da Sorte, Gato do Dinheiro ou dá Boa Sorte é uma escultura asiática comum, na maior parte das vezes feita em cerâmica, que se crê trazer boa sorte ao seu dono. A escultura mostra um gato acenando com uma pata levantada, e é muitas vezes colocado – quase sempre à entrada – de lojas, restaurantes, salas de Pachinko e de outros negócios. Os Maneki Neko surgem com cores, estilos e graus de ornamentação diferentes. Para os Ocidentais pode parecer que o Maneki Neko está a acenar e não a sinalizar para chamar a atenção. Isto deve-se à diferença entre gestos e linguagem corporal reconhecida pelos Ocidentais e pelos Japoneses, sendo que os Japoneses utilizam o gesto de mão levantada com a palma para fora, dobrando os dedos para cima e para baixo para chamar a atenção de alguém; daí o aspecto do gato. Pode encontrar-se o Maneki Neko tanto com a pata direita como com a esquerda levantada (e por vezes ambas). O significado da pata direita ou esquerda difere de acordo com os tempos e os locais. A crença mais comum é que a pata esquerda levantada atrai clientes, enquanto a pata direita atrai riqueza e boa sorte, embora alguns acreditem no contrário. Existem outros para quem a pata esquerda levantada é mais indicada para estabelecimentos de bebida, a pata direita para outras lojas. (no Japão chama-se “hidari-kiki” (“esquerdinos”)áqueles que aguentam bem a bebida). É crença comum de que quanto mais erguida estiver a pata, maior será a sorte que vai proporcionar. Consequentemente, ao longo dos anos, a pata dos Maneki Neko teve tendência a surgir cada vez mais levantada. Há quem utilize a altura da pata como método para medir a idade da figura. Outra crença comum é que quanto mais alta erguida estiver a pata, maior será a distância que a boa sorte percorrerá. Os braços de alguns Maneki Neko funcionam a pilhas ou são alimentados por energia solar, permitindo-lhes efetuar o gesto de chamada de atenção.

Existem uma infinidade de cores,e modelos,eu acho eles lindinhos *-*

É isso,até o próximo post!bjs

E não deixem de Comentar .-.

Prii Yamada